To top

Sites do LuxairGroup

Choose your preferred country and language

A Luxair utiliza cookies para lhe oferecer um melhor serviço.

Ao continuar a navegar por este site, o utilizador aceita a nossa utilização de cookies. Para mais informações sobre cookies, consulte a nossa política de cookies.

Direitos dos passageiros


I. Informações aos passageiros relativamente ao regulamento europeu (CE) N.° 261/2004

 

Se o seu voo for anulado, atrasado de maneira significativa ou se não puder embarcar no voo que reservou, a transportadora aérea efetiva deverá respeitar os seus direitos nos termos do regulamento europeu (CE) N.° 261/2004 de 11 de fevereiro de 2004 que entrou em vigor a 17 de fevereiro de 2005 ("o Regulamento").

 

Condições de aplicação 

 

O Regulamento aplica-se aos passageiros:

 

 

Atraso

 

O atraso é considerado nos seguintes casos:

 

 

Nos casos supracitados, os passageiros têm direito a um acompanhamento como abaixo descrito:

 

 

A transportadora aérea efetiva não tem obrigação de acompanhamento se este provocar um atraso maior. No caso de atraso superior a três horas, os passageiros têm o direito a uma indemnização financeira como descrito sob "Recusa de embarque". No entanto, a indemnização financeira não será devida se esse atraso se dever a uma circunstância extraordinária que não possa ter sido evitada mesmo que todas as medidas razoáveis tenham sido tomadas (exemplos: instabilidade política, condições meteorológicas incompatíveis, riscos ligados à segurança, avarias imprevistas que possam afetar a segurança do voo, greves, decisão relativa à gestão do tráfego aéreo). Em caso de atraso mínimo de 5 horas, os passageiros têm o direito de obter o reembolso, no prazo de 7 dias, dos cupões não utilizados ou cupões já utilizados mas inutilizados em relação ao plano de viagem inicial bem como, caso se aplique, um voo de regresso o mais rapidamente possível para o ponto de partida inicial.

 

 

Recusa de embarque

 

Antes de recusar o embarque, solicita-se aos passageiros que aceitem renunciar voluntariamente às suas reservas, em troca de determinadas vantagens de acordo com as modalidades a acordar. Aos passageiros que renunciarem voluntariamente às suas reservas poderá ser dada a escolha de:

 

 

Os passageiros que não renunciem às suas reservas e a quem for recusado embarque beneficiam dos seguintes direitos:

 

O direito de acompanhamento:

 

 

O direito ao reembolso ou ao reencaminhamento:

 

 

O direito a uma indemnização financeira:

 

 

Esta indemnização financeira é paga sob a forma de transferência bancária ou de nota de compensação.

 

Esta indemnização financeira não será atribuída aos passageiros que tenham renunciado voluntariamente às suas reservas em troca de determinadas vantagens.

 

Os passageiros a quem o embarque seja recusado por razões que se prendam com a sua própria responsabilidade ou sua livre vontade, por razões de saúde ou de segurança, bem como por razões ligadas aos documentos de viagens inadequados (em falta ou não conformes) não têm direito às prestações supradescritas. 

 

Anulação

 

Em caso de anulação de um voo, os passageiros que têm uma reserva nesse voo, beneficiam dos seguintes direitos:

 

 

no entanto, não existe o direito de indemnização financeira nos seguintes casos:

 

 

Upgrade e downgrade


Em caso de upgrade (o passageiro é colocado numa classe superior à correspondente ao bilhete comprado) não podendo ser reclamado qualquer suplemento ao passageiro.

 

Em caso de downgrade (o passageiro é colocado numa classe inferior à correspondente ao bilhete comprado) um reembolso, dentro de 7 dias, deverá ocorrer de acordo com as seguintes condições:

 

 


II. Apresentar uma reclamação

 

A Luxair compensa todos os seus passageiros em conformidade com as disposições em vigor. Contudo, se pretender apresentar uma reclamação justificada contra a Luxair com base no Regulamento da UE 261/2004, contacte-nos online através do preenchimento do formulário de reclamação online: www.luxair.lu/contactform.

 

Também pode enviar-nos um e-mail para Customer.Relations.lg@luxairgroup.lu

 

Se não ficar satisfeito com a forma como o seu pedido foi tratado ou se não concordar com a forma como a sua reclamação foi processada pela Luxair, pode contactar a entidade responsável pela aplicação do Regulamento (CE) n.º 261/2004 no Luxemburgo:

 

Ministère de l’Economie

Direction du marché intérieur et de la consommation

19-21, boulevard royal

L-2449 Luxembourg

Tél. +352 247 84159/ + 352 247 84334

Fax +352 22 16 07 

passagersaeriens@eco.etat.lu

 

Na seguinte ligação encontrará uma lista com as autoridades europeias relevantes responsáveis pela garantia dos direitos legais dos passageiros:

https://ec.europa.eu/transport/sites/transport/files/2004_261_national_enforcement_bodies.pdf

 

III. Resolução alternativa de litígios

 

Se a sua viagem for privada, tem o direito de contactar o "Médiateur de la consommation", um serviço independente luxemburguês que intervém em todos os pedidos de resoluções extrajudiciais de litígios. O "Médiateur de la consommation" poderá ajudá-lo se a reclamação se enquadrar no âmbito das suas competências.

 

Pode contactar essa entidade desde que já tenha contactado a Luxair quanto ao seu problema e não tenha ficado satisfeito com a forma como o mesmo foi tratado ou não tenha concordado com a forma como o mesmo foi processado pela Luxair e o processo ainda não esteja, ou não tenha estado, pendente em tribunal ou tenha sido resolvido.

www.mediateurconsommation.lu

 

A Comissão Europeia fornece uma plataforma para a Resolução de Litígios Online (ODR). A plataforma está disponível em https://ec.europa.eu/consumers/odr/main/?event=main.home.show